Como avaliar a deglutição?

Existem vários métodos para avaliar a Deglutição de uma criança. Avaliação Clínica com Otorrinolaringologista e com a Fonoaudióloga e exames complementares.

Existem dois exames muito importantes: O Videodeglutograma (que é feito sob radiologia) e a Videoendoscopia da Deglutição (VED). Este exame é feito pelo médico Otorrinolaringologista, com nasofibroscopia flexível.

O alimento é corado com corante azul, dessa forma, é possível avaliar os resíduos na base da língua, penetração e aspiração laringotraqueal.

A grande vantagem desse exame é que não expõe o paciente ao raio X, como no videodeglutograma, então pode ser usado como screening para avaliar alteração da deglutição, para diferentes alimentos e consistências. Outra característica que vale ressaltar, é a possibilidade de avaliar a sensibilidade faringolaríngea, que é de grande importância para o prognóstico da reabilitação da deglutição. Por essa vantagem, é um excelente exame para acompanhar a terapia fonoaudiológica e avaliar evolução do paciente. É complementar ao Videodeglutograma, pois nesse, é possível avaliar melhor a fase oral e esofágica, enquanto a Videoendoscopia da Deglutição avalia a fase faríngea e, possíveis aspirações e penetrações laringotraqueais, do alimento, sob visão direta.

Pode ser feito à beira do leito, juntamente com a fonoaudióloga e os pais. Deve ser gravado em vídeo, pois o fibroscópio flexível, pode ser conectado a uma microcâmera e, dessa forma, é feito a gravação, para avaliação das imagens após o exame.

Tecnicamente fácil de ser realizado, com a criança acordada, no colo da mãe. O fibroscópio flexível utilizado é de calibre fino, o que provoca mínimo desconforto.

Os alimentos testados e corados, podem ser os mesmos utilizados pelo paciente, em diferentes consistências.

Categorias : Dicas de saúde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *